Notícias

BMW R 1200 GS autônoma acelera, faz curvas e até freia sozinha Divulgação (Foto: Divulgação)

Novidade

BMW R 1200 GS autônoma acelera, faz curvas e até freia sozinha

Primeira motocicleta completamente autônoma do mundo, bigtrail alemã serve de laboratório para testar controles mais avançados


Arthur Caldeira / Agência Infomoto

Agência Infomoto

13/09/2018 18h06

A BMW apresentou sua primeira moto autônoma durante o BMW Motorrad Techday 2018, realizado na última semana. O modelo, uma BMW R 1200 GS, deu algumas voltas sem piloto e “sozinha” para um grupo de jornalistas no campo de testes da marca em Miramas, no sul da França.

Desenvolvido pelo engenheiro de pós-graduação Stefan Hans e sua equipe, a R 1200 GS se movimenta de forma totalmente independente sem nenhum piloto. A moto acelera, dá voltas em uma pista de testes e desacelera de forma independente até parar.

Segundo a BMW, o projeto inovador não pretende, de forma alguma, dar origem a uma motocicleta completamente autônoma e independente. O objetivo do protótipo é reunir conhecimento com relação à dinâmica de direção de uma moto para detectar precocemente situações perigosas e, assim, apoiar o motociclista com sistemas de segurança apropriados ao passar em cruzamentos ou ao frear repentinamente, por exemplo.

As novas tecnologias devem servir como uma plataforma para o desenvolvimento de futuros sistemas e funções para tornar o motociclismo ainda mais seguro, mais confortável e aumentar o prazer de dirigir.

Comunicação carro e moto

A BMW Motorrad aproveitou o evento também para demonstrar como o ritmo acelerado da digitalização deverá mudar o futuro das motos. A ideia é levar em consideração as necessidades de veículos de duas rodas para o mundo de transporte de amanhã.

Uma parte importante do futuro dos meios de transporte passa pela comunicação V2V (vehicle-to-vehicle) entre os veículos. A demonstração prática do sistema ConnectedRide da BMW se utiliza da comunicação entre moto e carro para evitar acidentes.Além de um assistente de cruzamento e de curva à esquerda, o protótipo ConnectedRide (pilotagem conectada) possui outros sistemas projetados para evitar acidentes entre motocicletas e carros de passageiros.

Em um cruzamento, por exemplo, outros carros que poderiam ignorar a passagem preferencial são avisados, assim como o próprio motociclista. Esta situação perigosa é detectada e medidas de alerta são iniciadas graças à Comunicação Veículo-a-Veículo (V2V), com base em um padrão de comunicação entre fabricantes e localização de alta precisão por meio do Sistema Global Diferencial de Navegação por Satélite.

Notícias relacionadas

Cinco dicas para economizar (ainda mais) combustível de moto

Triumph vai trazer nova Speed Twin para o Brasil

Veja como regularizar a documentação da sua moto

Moto elétrica da Harley-Davidson vai custar 30 mil dólares

Kawasaki faz recall da linha Z900

Retrospectiva: 10 fatos que marcaram o mundo das motos em 2018

Triumph cresce 11% no Brasil em 2018

Yamaha MT-07 passa por face-lift e fica mais confortável

DPVAT para motos teve redução de R$ 100 em 2019

Cinco motos aventureiras que chegam em 2019

  • Booking.com

Mototour - Seu portal em duas rodas, Motos, Encontros de Motociclistas, Moto Clube e muito mais...

Todos os Direitos Reservados

Tempo de carregamento da página: 0.11474 segundos